11 de julho de 2012

Trair? Não, obrigada.


Não troco uma vida por uma noite
Não troco certezas por ilusões
Não troco verdades por historinhas
Não troco felicidade por uma aventura
Não o certo pelo duvidoso
Não troco o que é meu por o que pode ser de todo mundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário